Arquivos atualizados com forme sua exibição

O conflito básico desta história é o de uma mulher que, depois de
sacrificar toda a sua vida pelos filhos, se vê afastada deles pelo nível
social que estes atingiram. Dona Xepa é uma humilde feirante que tem o
sonho das pessoas simples que desejam que os seus filhos sejam doutores
e tudo faz ao longo da sua vida para o conseguir. É a mãe que se realiza
com a ascensão social dos filhos, mas quando eles crescem e é rejeitada
por eles, quer alcançá-los sem saber como, metendo os pés pelas mãos.
Dona Xepa trabalha há trinta anos com uma barraca de legumes nas feiras
da zona sul carioca. Abandonada há anos pelo marido, continua cultuando
sua memória e não admite que falem mal dele. Tem na amizade com o
vizinho Agenor, o seu porto-seguro. A feirante se levanta todos os dias
às duas da madrugada para comprar a mercadoria e armar sua barraca bem
cedo. Tudo isso para que os filhos Edson e Rosália tenham as
oportunidades de vida que ela não teve.
Edson aproveitou o sacrifício da mãe: estudou, freqüentou ambientes
intelectualizados e pretende ingressar numa faculdade de comunicação.
Quer ser escritor mas não consegue entrar no difícil mercado de trabalho
e, ao mesmo tempo, não aceita ser sustentado pela mãe, apesar do grande
amor que nutre por ela. Com um prêmio conseguido num concurso de contos,
inicia sua escalada profissional  o que vai aumentar seus conflitos com
a mãe a afastá-lo mais dela. Sonha em morar sozinho e gostaria que ela
encarasse com naturalidade essa aspiração. Namora Helena, uma vizinha na
vila onde vivem, mas tem medo de casar e perder a liberdade.
Rosália é bem diferente do irmão. Aparentemente sensível e revoltada, é
ambiciosa e interesseira e só tem um objetivo: a ascensão social para
sair da vida pobre que leva. Para atingir essa meta, quer casar com um
homem rico. É amada pelo vizinho Daniel, um fotógrafo amigo de Edson.
Mas não aceita a idéia de unir-se a um rapaz pobre. Só pensa na riqueza
e rejeita a mãe, embora no fundo queira melhorar a vida dela pelo jeito
mais fácil.
Por meio de Regina, também vizinha, que trabalha na loja de Glorita 
grã-fina casada com o milionário Raul Pires Camargo  Rosália conhece
Heitor, filho de Raul, um advogado falido que esconde de todos a sua
verdadeira situação econômica. Rosália aproxima-se de Heitor e os dois
acabam casando-se. Depois disso, Dona Xepa não consegue mais ver a
filha, proibida e até humilhada pela esnobe Glorita.
Glorita, obcecada pela idéia de aparecer nas colunas sociais, tem como
maior sonho da sua vida se tornar amiga da socialite Isabel Becker,
casada com Henrique Becker, proprietário de uma das mais importantes
editoras do país. Para isso empurra a filha Gisa, interesseira como a
mãe, para cima do filho do casal, Otávio. Ele é um rapaz que nunca
passou dificuldade na vida, freqüenta a alta sociedade carioca mas se
recusa a aceitar a profissão de herdeiro. Não quer ser o futuro dono da
empresa do pai. Seu lado artístico fala mais alto. Ao dedicar-se ao
teatro fica conhecendo Helena, já agora ex-namorada de Edson, e os dois
se envolvem.
Enquanto isso, Rosália é assediada por Daniel, que continua a amá-la.
Afinal, cansado dos caprichos da jovem, o fotógrafo afasta-se dela ao
conhecer Heloísa, filha dos Becker. A impedir esse romance está Ivan, um
mau caráter que se interessa por Heloísa e a fortuna de sua família.

Arquivos

91 itens
Você está na página 1 de 2
1
2

Novelas

O conflito básico desta história é o de uma mulher que, depois de
sacrificar toda a sua vida pelos filhos, se vê afastada deles pelo nível
social que estes atingiram. Dona Xepa é uma humilde feirante que tem o
sonho das pessoas simples que desejam que os seus filhos sejam doutores
e tudo faz ao longo da sua vida para o conseguir. É a mãe que se realiza
com a ascensão social dos filhos, mas quando eles crescem e é rejeitada
por eles, quer alcançá-los sem saber como, metendo os pés pelas mãos.
Dona Xepa trabalha há trinta anos com uma barraca de legumes nas feiras
da zona sul carioca. Abandonada há anos pelo marido, continua cultuando
sua memória e não admite que falem mal dele. Tem na amizade com o
vizinho Agenor, o seu porto-seguro. A feirante se levanta todos os dias
às duas da madrugada para comprar a mercadoria e armar sua barraca bem
cedo. Tudo isso para que os filhos Edson e Rosália tenham as
oportunidades de vida que ela não teve.
Edson aproveitou o sacrifício da mãe: estudou, freqüentou ambientes
intelectualizados e pretende ingressar numa faculdade de comunicação.
Quer ser escritor mas não consegue entrar no difícil mercado de trabalho
e, ao mesmo tempo, não aceita ser sustentado pela mãe, apesar do grande
amor que nutre por ela. Com um prêmio conseguido num concurso de contos,
inicia sua escalada profissional  o que vai aumentar seus conflitos com
a mãe a afastá-lo mais dela. Sonha em morar sozinho e gostaria que ela
encarasse com naturalidade essa aspiração. Namora Helena, uma vizinha na
vila onde vivem, mas tem medo de casar e perder a liberdade.
Rosália é bem diferente do irmão. Aparentemente sensível e revoltada, é
ambiciosa e interesseira e só tem um objetivo: a ascensão social para
sair da vida pobre que leva. Para atingir essa meta, quer casar com um
homem rico. É amada pelo vizinho Daniel, um fotógrafo amigo de Edson.
Mas não aceita a idéia de unir-se a um rapaz pobre. Só pensa na riqueza
e rejeita a mãe, embora no fundo queira melhorar a vida dela pelo jeito
mais fácil.
Por meio de Regina, também vizinha, que trabalha na loja de Glorita 
grã-fina casada com o milionário Raul Pires Camargo  Rosália conhece
Heitor, filho de Raul, um advogado falido que esconde de todos a sua
verdadeira situação econômica. Rosália aproxima-se de Heitor e os dois
acabam casando-se. Depois disso, Dona Xepa não consegue mais ver a
filha, proibida e até humilhada pela esnobe Glorita.
Glorita, obcecada pela idéia de aparecer nas colunas sociais, tem como
maior sonho da sua vida se tornar amiga da socialite Isabel Becker,
casada com Henrique Becker, proprietário de uma das mais importantes
editoras do país. Para isso empurra a filha Gisa, interesseira como a
mãe, para cima do filho do casal, Otávio. Ele é um rapaz que nunca
passou dificuldade na vida, freqüenta a alta sociedade carioca mas se
recusa a aceitar a profissão de herdeiro. Não quer ser o futuro dono da
empresa do pai. Seu lado artístico fala mais alto. Ao dedicar-se ao
teatro fica conhecendo Helena, já agora ex-namorada de Edson, e os dois
se envolvem.
Enquanto isso, Rosália é assediada por Daniel, que continua a amá-la.
Afinal, cansado dos caprichos da jovem, o fotógrafo afasta-se dela ao
conhecer Heloísa, filha dos Becker. A impedir esse romance está Ivan, um
mau caráter que se interessa por Heloísa e a fortuna de sua família.

Arquivos

91 itens
Você está na página 1 de 2
1
2

Formas de contato conosco

Nos contacte via e-mail:
contato.cegosbrasil@gmail.com
skype:
cegosbrasil
Também estamos no Facebook, curte nossa página e fique por dentro de nossas novidades:
http://facebook.com/cegosbrasil